Cuidado integral na saúde mental: Da Automassagem guiada à Neuroacústica Zen

 

As necessidades sociais perante a saúde da mente e das emoções sempre estiveram altamente potencializadas no modo de viver contemporâneo, sobretudo, com índices configurados na sociedade brasileira, como:

 

- Brasileiro é o povo mais ansioso do mundo! Quase 10% da população brasileira possui diagnóstico de Transtorno de Ansiedade Generalizada;

- Quase 40% da população brasileira apresentam queixa de insônia;

- Praticamente 30% dos 100 milhões de trabalhadores brasileiros apresentam burnout (síndrome do esgotamento), cuja estatística, revela que o Brasil é o 2º país com o maior número de pessoas com Síndrome de Burnout no mundo;

 

Apesar destes índices assustadores, de fato, ainda é possível ver “luzes no fim do túnel”, isso mesmo, empregando esta expressão no plural (luzes) e que não possuem um brilho ofuscado, mas, sim, bem reluzentes, representando um horizonte de possibilidades e de intervenções nos diversos âmbitos da saúde mental, as quais, nós da Plenitude Bem Estar concebemos em 3 esferas de cuidado integral:


A)Manejo de ansiedade, estresse crônico e burnout;


B)Bem-viver, autoconhecimento, conexão com a natureza e espiritualidade;


C)Práticas integrativas, corporais e artísticas;

 

Ao desdobrarmos estas 3 esferas em perguntas, inquietudes e reflexões diárias nos deparamos com as seguintes manifestações:

 

Como reduzir a ansiedade e manter a minha saúde mental?

               

Se esta é a sua pergunta, saiba que o combate e a prevenção da ansiedade podem ser realizados por intermédio de práticas que promovam a redução da agitação mental e a geração do estado de relaxamento mente e corpo. Quando alcançamos esta percepção, afloramos nosso autocontrole e elevamos nossa capacidade de regular a si próprio (autorregulação).

 

Baseado nesse contexto, o Dr. Marcelo Anselmo, professor da Plenitude Bem Estar, refere que se você faz parte do grupo que teve os sinais e sintomas de ansiedade aumentados durante a pandemia de Covid-19, saiba que assim como você, muitos estão no “mesmo barco, navegando por ondas revoltas”, pois segundo pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde em setembro de 2020, a ansiedade foi o transtorno mais presente durante a pandemia de Covid-19.

               

Nesse viés, torna-se necessário apostar em recursos com eficácia ainda maior para controlar o ritmo da mente e proporcionar sensações de leveza, como o elo com a natureza e poder dos sons.

 

Sugestões de Atividades:

-O rio e o mar: Imagética na Saúde Mental e conexão com a natureza

-Os 4 A’s cotidianos da Saúde Mental: Do autocontrole à autorregulação

-Neuroacústica das Taças tibetanas na saúde mental

Saúde mental é apenas ter atenção com a mente? Como cuidar também do corpo e do espírito?

               

Por vezes acreditamos, equivocadamente, que o termo saúde mental destina-se apenas ao cuidado dos aspectos mentais, todavia, o termo abrange um verdadeiro cuidado integral com o ser, o qual, devemos fomentar a importância do binômio mente e corpo, reforçando assim o cultivo de bons hábitos no comportamento diário e de um estilo de vida saudável.

               

Desse modo, segundo a Profa. Ale Dotto, facilitadora da Plenitude Bem Estar, as práticas integrativas e práticas corporais figuram como elementos de grande valia neste “espiral chamado saúde mental”, pois o corpo, muitas vezes, é capaz de acalmar a mente, nos gerando momentos de paz interior, sutileza e quietude.

 

Sugestões de Atividades:

-Automassagem guiada

-Dança circular e os chackras corporais

-Jogo Hábitos em Saúde Mental: Da Neurociência ao comportamento cotidiano

 

Referência:

https://antigo.saude.gov.br/noticias/agencia-saude/47527-ministerio-da-saude-divulga-resultados-preliminares-de-pesquisa-sobre-saude-mental-na-pandemia